Como fazer Root no Moto G 1ª Geração com Android Lollipop 5.1

Neste tutorial iremos ensinar como Rotear o Motorola Moto G, Instalação root, Recovery, desbloqueamento do bootloader e retirada do aviso – XT1032/XT1033. Antes de começar faça um backup dos seus arquivos de mídia e contatos. O procedimentos que veremos a seguir irá formatar completamente os dados do seu dispositivo, incluindo o armazenamento interno.

Lembrando que você fará esse tutorial por sua própria conta e risco. Habilitar o Root significa perda da garantia do smartphone. Não nos responsabilizamos se por acaso seu celular não funcionar se você errar ou pular qualquer explicação do tutorial.

Root no Moto G

Você precisará dos:


Moto G

  • Instale o Minimal ADB & Fastboot numa pasta separada (por exemplo: C:\Moto G).
  • Coloque o logo.bin na pasta que criou.
  • Copie e cole o arquivo do SuperSU para o armazenamento interno do celular e o desconecte, em seguida ligue-o no modo bootloader (vol. para baixo + power) e recolocando o cabo USB.
  • Clique dentro da pasta criada com o botão direito do mouse e segurando o botão Shift, em seguida clique em “Abrir janela de comando aqui”.

MOTO G1 ROOT

Copie e cole na janela do DOS o comando: fastboot oem get_unlock_data

MOTO G1 ROOT BOOTLOADER

  • Copie o código recebido e siga para este site: https://goo.gl/Nk1L1C
  • Você precisará fazer um cadastro, ou para ser mais rápido, se conectar a sua conta do Google, em seguida clique em “Cadastrar”.
  • Retire manualmente todos os espaços do código e o cole no local reservado em “Can my device be unlocked?”

BOOTLOADER DESBLOQUEAR

  • Se por acaso ocorrer algum erro ao clicar no botão abaixo, tente executar pelo Internet Explorer.
  • Clique em REQUEST UNLOCK KEY. Você receberá a key em seu e-mail caso seu dispositivo seja qualificado para desbloqueamento do bootloader!
  • Volte à janela de comando do DOS e execute: fastboot oem unlock seucódigoaqui

Aguarde o término do procedimento, e pronto! seu smartphone Moto G, já está desbloqueado para realizar procedimento em flash como ROOT e Recovery Agora vamos instalar o recovery, o fix do logo e o root!

FINALIZANDO ROOT NO MOTO G

Copie o arquivo SuperSU v2.65,zip para a memória Interna do seu Smartphone, pode ser a externa também.

 

  • Copie e cole o arquivo do SuperSU para o armazenamento interno do celular e o desconecte, em seguida ligue-o no modo bootloader (vol. para baixo + power) e recolocando o cabo USB.
  • Clique dentro da pasta “Install Recovery & Root 5.1 Moto g 1” com o botão direito do mouse e segurando o botão Shift, em seguida clique em “Abrir janela de comando aqui”.
  • Digite o comando na janela de comando do DOS: fastboot flash recovery recovery.img
  • Seu celular irá lhe mostrar o Modo Recovery CWM.
  • Clique em “Install Zip”.
  • install zip from sdcard >.
  • “0” representa memória interna e “1” a externa ou microSD. No nosso caso digamos que salvei o SuperSU na memória interna então ficará assim: install zip from sdcard > 0 > SuperSU v2.65.zip
  • Selecione o SuperSU e instale.
  • Em Wipe data/factory reset, faça uma limpeza geral.
  • Wipe Data/Factory Reset: Apaga todos os seus dados pessoais e o sistema volta ao estado original.
  • Wipe Cache Partition: Através desta opção apagamos a memória de cache. Os arquivos de cache são utilizados frequentemente para acesso rápido. Nenhum dado pessoal será excluído.
  • Wipe Dalvik Cache: No Dalvik Cache está localizada uma árvore de diretórios de todos os programas armazenados. Além disso, você pode armazenar endereços e outros gráficos. Este método é ótimo para aplicativos que ocupam muita memória RAM, já que parte deles vão para a memória interna. Fazendo o Wipe Dalvik Cache você não perderá nada que está salvo (contatos, game save…), mas estabilizará o aplicativo para a nova versão, em relação à compatibilidade com a anterior.
  • Depois, utilizando as teclas volume (+) para cima e para baixo (-) volte a tela inicial em “+++++Go Back+++++”
  • selecione “reboot system now”
  • Agora seu Moto G1 primeira geração está Rooteado!

 

14 comentários em “Como fazer Root no Moto G 1ª Geração com Android Lollipop 5.1”

  1. Brother, passo a passo escrito é legal pra quem entende a linguagem familiarizada desses passos. Pra nós, leigos, seria bom video

  2. Quem é leigo, não deveria pedir vídeo, deveria simplesmente ficar contente com seu dispositivo e pronto.
    Provavelmente quer fazer root só porque alguém disse que é melhor, ou que é bom…

  3. nao foi informado ou mostrado o LOGO.BIN da onde eh pego ou onde faz o download. Nao esta claro se pega do celular ou se vem junto das pastas que foram feitos o download.

  4. Fiz tudo direito, só faltou a Motorola mandar o e-mail com o código, faz tempo que tento isso, mas não recebo o e-mail da Motorola com o bendito código, sabe me dizer se tenho que usar um e-mail de um certo domínio, pois no meu gmail não chega…

  5. Começa o tutorial faltando um monte de pedaço… Diz q vamos precisar de três coisas. Depois de baixadas, vamo começar. Logo de cara pede pra instalar um “Minimal ADB & Fastboot”. Oq é isso? não dá link nem nada, a gente q tem q ir procurar… E como faz pra saber se é o certo? Aí depois fala pra colocar o “logo.bin” na mesma pasta. logo.bin? WTF?
    Digo isso pra ajudar gente q não tem tanto conhecimento na área…
    Fiz muito o processo de instalar rom e fazer root no meu antigo Note 2. Mas ele quebrou o display e peguei esse moto g1 q o processo é todo diferente. Podiam deixar as coisas mais claras…

  6. Queria saber se o root no motorola moto g 1geraçao da versão 5.1 causa danificação ou perda do Android? Dicas por favor

  7. ficou estranho essa parte:
    Em Wipe data/factory reset, faça uma limpeza geral.
    Wipe Data/Factory Reset: Apaga todos os seus dados pessoais e o sistema volta ao estado original.
    Wipe Cache Partition: Através desta opção apagamos a memória de cache. Os arquivos de cache são utilizados frequentemente para acesso rápido. Nenhum dado pessoal será excluído.
    Wipe Dalvik Cache: No Dalvik Cache está localizada uma árvore de diretórios de todos os programas armazenados. Além disso, você pode armazenar endereços e outros gráficos. Este método é ótimo para aplicativos que ocupam muita memória RAM, já que parte deles vão para a memória interna. Fazendo o Wipe Dalvik Cache você não perderá nada que está salvo (contatos, game save…), mas estabilizará o aplicativo para a nova versão, em relação à compatibilidade com a anterior.

    Depois de tudo… se eu fizer o [[ Wipe data/factory reset ]] ele perde o root e tem que fazer o procedimento tudo de novo… e ão entendi por que explicar os outros tipos de wipe sendo que quando se faz o procedimento do site da motorola o celular ja faz wipe reset e tudo nele é apagado.

    faltou só explicar melhor

Deixe um comentário